quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Amizade.


Eu aprendi algo importante nesses últimos dias... Coisas que eu levarei comigo para sempre! Eu simplesmente aprendi que não é porque não estou presente, que deixo de ser especial. Eu aprendi a perdoar, porque todo mundo erra, principalmente nós, meros mortais. Eu aprendi que amor sempre machuca, mas que sempre há uma cura. Eu aprendi que amizades de fakes e de infância são para sempre. E que a dor não dura pra sempre, apenas o tempo necessário para que você se dê conta de quê aquilo não era tão importante quanto você imaginava. Eu aprendi a deixar de lado bobeiras que antes me faziam mal.
Eu podia colocar mil coisas que eu aprendi com o tempo que dei a tudo que está a minha volta, mas nada será o suficiente para dizer-lhes a verdade.

Por muito tempo me vi sozinha num "mundo estranho", senti vontade de gritar, chorar, sumir, e tantas coisas mais. Esqueci o verdadeiro valor da nossa amizade e o quão preciosa ela é. Eu perdi tanto tempo magoada que deixei pra trás as coisas boas da vida. Sim, faz exatamente 10 anos que nos conhecemos, faz exatamente 7 que eu estou longe de vocês e nem por isso vocês me deixaram como eu as deixei, nem por isso me desprezaram quando eu mais precisei, e eu simplesmente o fiz... Eu aprendi que a nossa amizade pode passar por tormentos extremos, que as lágrimas podem ser o ponto máximo da agonia e da tristeza em não tê-las mais como antes, mas a vida é assim, feita de altos e baixos e a gente faz o nosso destino, não as coisas que mudam ao redor de nós. Eu me dei conta de que nem o tempo afastadas me fizeram esquecer-me de vocês e que aí aconteceu o mesmo. Por mais tempo que a gente não se veja, por mais dificuldades que a gente passe, nós seremos sempre as três meninas super poderosas, seremos sempre aquelas crianças com sorrisos estampados no rosto atrás de uma nova aventura dentro do quintal. Sempre seremos a famílias que criamos dentro do nossos corações e de nossas memórias. Eu aprendi com você que não importa o tempo que for, não importa a situação, sempre estaremos uma do lado da outra, pois a nossa amizade resistiu a 7 anos, por que não resistirá mais?

Eu disse coisas inconsequentes e sem pensar e é por isso que eu pesso perdão à vocês, uma das duas pessoas mais importantes e essenciais para a minha existência, porque sem vocês eu sou simplesmente o quadro sem cor. Se for preciso eu grito e repito, sem vocês eu não sou mais nada, é por isso que eu insisto! ~

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Eu acho que;


Faz pouco mais de 5 anos que eu resolvi entrar nessa vida de orkut, msn e os caralho a quatro. O tempo me fez mudar muito, tanto que até eu não me reconhecia quando me colocava de frente à um espelho qualquer, via apenas o reflexo da menina que um dia já foi meiga, doce, alegre, sorridente e feliz... Mas apesar de tudo isso, em pouco mais de 5 anos eu conheci pessoas maravilhosas, que me desejaram feliz aniversário sempre e que nunca me abandonaram, daqui a pouco estou fazendo propaganda de tanta gente que já postou algo me desejando feliz aniversário de ontem pra hoje. Eu não sabia o quanto seria gratificante ver todas aquelas palavras expressando sentimentos alheios, sentimentos de pessoas que eu nem ao menos conheço. De certa forma isso me alegrou muito hoje, e a cada frase que me faz lembrar um pouquinho do que eu fui no passado, me faz sorrir mais e mais, e dessa vez é verdadeiro. Confesso que estou odiando ficar mais velha, mais um ano aqui na internet, mais um ano de fake, na verdade, mas as vezes eu penso que essa vida realmente valeu a pena, eu arrumei amigos que jamais irão me abandonar, eu consegui lugares especiais na vida de pessoas que nem ao menos sabem "quem sou eu". Eu aprendi o valor de amizades, eu aprendi a amar outra pessoa, eu aprendi a ser eu mesma. Algumas pessoas foram e voltaram, outras somente foram e nunca mais voltaram, mas o que realmente vale é a lembrança que carregarei eternamente de cada pessoa que cruzou meu caminho, que me ajudou a fazer o meu próprio caminho. É por vocês, amigos que eu dedico esse pequeno trecho, se não fossem vocês, eu não seria nem metade do que eu sou hoje, se não fosse vocês, eu seria simplesmente o nada de sempre. Quem se expressa aqui é a Tatah, a Talita, não a Tats, aquela você conheceu quando estava na época de pop, mas sim a verdadeira pessoa por trás do pc.

Obrigada por todos os momentos que vocês, meus amigos, me proporcionaram, obrigada por me fazerem descobrir o que é amor, carinho, afeto e amizade. Obrigada por serem tudo na minha vida, sem vocês eu não seria nada. <3

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Viver.

Os momentos que passamos lúcidos devem ser vividos da maneira que for possível e até mesmo impossível, não sabemos como estaremos amanhã, não sabemos ao menos se estaremos aqui na terra para poder sorrir mais uma vez. Arrisque tudo, mesmo que a porcentagem de perca seja alta, você não poderá se lamentar por não ter tentado. Viva a cada momento como se fosse o ultimo, não deixe vontades não serem realizadas, palavras não serem ditas no calor do momento, não engula o choro no momento extao, apenas viva. Carregue apenas uma coisa em seus pensamentos, amigos, amor e carinho, serão as únicas coisas de que você irá lembrar quando não estiver mais nada para pensar, nem ao menos tentar ver ou escrever. Momento não são feitos apenas de sorrisos e alegrias, são feitos de brigas e lágrimas. Apesar de tudo, lembre-se apenas de uma coisa, viver é etecetera.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Aniversário?!

Aniversário me faz lembrar anos, anos me fazem lembrar idade e idade me faz lembrar que eu estou fiando velha. Eu sei que nem é pra tanto, mas cara, eu vou fazer 17 anos, e tipo, eu passei quase que 5 anos em frente à um computador, controlando um fake. Não me arrependo por nenhum momento de ter tido esses momentos por aqui, porque minha vida num fake valeu muito mais do que a minha vida 'real'. Pra alguns pode ser exagero, mas pra mim, é só uma confirmação de que eu tenho amigos de verdade. Em 16 anos eu fiz tudo o que uma garota gostaria de fazer, eu conheci lugares diferentes, entretanto, ainda falta mais coisas ainda que eu desejo fazer, falta pessoas que eu quero conhecer e a única certeza que eu tenho, é que todos esses meus amigos da rede, estarão comigo independente das minhas decisões e escolhas, porque sei que eles serão pra sempre, verdadeiros comigo. E é por isso que eu tenho alegria em informar que eu vou fazer 17 anos, com orgulho de tudo o que eu vivi no fake, com orgulho das amizades que eu consegui, e principalmente daquelas pessoas que ficam guardadas dentro de um coração. Não importa a idade, mas sim as pessoas que ficaram durante esses anos.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Falso eu.


Eu sinto que não fasso parte de nenhum lugar, eu não me encaixo em nada, eu simplesmente, não sei de nada. Amigos que de repente viraram apenas conhecidos, pessoas queridas que sumiram, essa é a minha realidade. Estar triste? Nunca, mas eu cansei de fazer a pose de forte, eu não aguento mais ter que me esconder dentro de uma 'casca' que não sou eu. Cansei de fingir ser a menina mais alegre do mundo, simplesmente porque, eu estou escondendo tudo o que eu sinto. Eu vivo num mundo rodeado de pessoas falsas, e eu sei quem são, mas não posso afastá-las, não ainda. Eu quero meu passado de volta, porque meu presente, não me importa mais. As noites frias que o céu está limpo, olho a lua e vejo todo meu passado rodar em câmera lenta, e as únicas coisas que irei guardar de lá, são as lindas lembranças que ainda pairam sobre meus pensamentos. Eu não me encaixo, me considero um nada... Eu só quero voltar a ser aquilo que eu já fui, eu quero poder sorrir por motivos reais, eu quero poder dividir minhas felicidades fúteis de um fake como antes. Eu só quero viver, apenas viver...

Quando sorrisos não mostram seu verdadeiro "eu".

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Lembranças.


O toque traiçoeiro e delicado do vento afagava minha face. Minhas pernas bambas jaziam paradas naquela esquina, a única lembrança que tinha daqueles dias, tomou minha mente como a folha de outuno que caia sobre o chão. O vento, frio, cauteloso deixou apenas uma lembrança, a única da qual irei guardar eternamente. O doce toque de seus lábios me arrepiaram e a única coisa que pude pensar naquele momento, foi em abraçá-lo, sentir seu toque, sentir-me amada. A luz do poste que estava sobre nós, de repente apagou, e a única coisa que sei, foi que tu deixou o seu amor. As lembranças que um dia guardei em meu coração, permaneceram sempre lá, quietas e aprisionadas. Os momentos bons foram esquecidos, pelo simples fato de não poder lembrar-me de tua face, que antes era reconhecida por mim em meio a multidão. E a sua voz aveludada, ficou importunando-me diversas vezes, mas a única coisa que fiz, foi deixá-la guardada.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Chance.


Se você tivesse a chance de fazer tudo mudar, o que você faria?
Eu tive essa chance, na verdade, a segunda chance, e mesmo não querendo, a desperdicei por um mero capricho, talvez. Não sei ao certo quais foram as razões que levaram a esse fim, ao nosso fim, mas mesmo assim, continuo a caminhar de cabeça erguida e com o coração na mão. Parece errado, mas como dizer se é errado sem ao menos saber do que se trata? Como julgar pessoas pelas palavras que falam? Como mudar um passado que nunca foi desejado? As pessoas agem antes de pensar, e pensam depois de cometer os piores erros de sua vida. Talvez isso tudo nunca tenha um fim, talvez isso tudo nunca mais volte a ser como antes, mas a gente segue a vida da maneira que dá. Eu nunca vou esquecer os momentos bons, as palavras jogadas ao vento e as brincadeiras que as vezes nunca tiveram sentindo, só uma coisa me importa, eu sei o que se passa aqui, nesse coração que foi partido e que do mesmo jeito partiu outro. Eu sempre irei de você como uma lembrança boa, o começo de uma história e o fim de um conto de fadas inacabado, apenas isso é o que importa. Ninguém tem segunda chances, apenas conquista tudo o que perdeu conforme o tempo passa. Talvez a exista a segunda chance, mas quem somos nós para dizer-lher como é e como tudo isso começou?

domingo, 5 de julho de 2009

Alice.


Era 1997, final do ano, e uma menina chamada Alice, junto dela, uma guitarra! Ela queria viver uma aventura, uma aventura que ela pudesse contar para seus filhos, netos e se possível, bisnetos.

Tudo começou numa manhã de sábado, ela levantou e durante todo o dia, fez tudo o que estava habituada a fazer, desde as mais simples tarefas, até chegar a hora de tocar sua guitarra. A guitarra tinha um tom roxo, ele brilhava junto com as notas que saiam de saiam dos acordes que a menina produzia com o leve toque dos seus dedos. O dia estava terminando e Alice, estava cansada o suficiente para se deitar e dormir, e foi o que exatamente aconteceu. Ela deitou-se em sua cama e simplesmente dormiu.

Em seu sono profundo, ela embarcou numa viagem sem volta, ela e sua inseparável guitarra. A garota surgiu de uma luz imensa, parecia até que estava num palco, e quando pôde enxergar melhor, ela estava num palco! O maior sonho de Alice era poder tocar para uma platéia, só ela e sua guitarra roxa. Ela olhava tudo a sua volta meio assustada, não podia acreditar o que estava acontecendo e do nada proferiu num tom bem alto.

- Onde estou? – Era tão alto que deu para ouvir o eco que sua voz deixava. –

Não havia ninguém ali, apenas ela, a guitarra e um cachorro. Isso mesmo, um cachorro! O cachorro quando ouviu a voz dela, saiu correndo, e Alice, correu atrás dele, junto com ela levou a guitarra. O pequeno cachorro atravessou uma porta e Alice foi junto, quando atravessou a porta, outro clarão, e do outro lado do clarão o cachorro. Foi quando Alice se deu conta que estava a ouvir vários gritos, olhou para o lado direito de si e se deparou com a banda Green Day, num show em Londres.

Assustada a menina foi atrás do cachorro novamente, e passou pela platéia. Atravessou outro clarão de luz, e se deparou com outro show, do The Gazette em Nagasaki! Ela estava de boca aberta, quando viu o Reita se direcionando para a platéia pra tocar seu solo na guitarra. Não ficou muito tempo por ali e logo tratou de atravessar atrás do cachorro, que ficou parado. Ela então decidiu atravessar a cortina preta, e pulou direto no seu quarto. Do nada a menina acordou assustada, olhou em volta e viu que estava tudo no lugar, seus pôsteres do Green Day, do The Gazette e de todas as outras bandas que ela admirava. Pegou sua guitarra que esteve junto de você na aventura e começou a tocar alguns acordes da sua música favorita do Green Day, Boulevard of Broken Dreams.


Lembrando que, essa é uma história adaptada da "Alice no país das maravilhas", com diversas mudanças e que esse texto foi feito para uma redação sobre intertextualidade da escola.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Dor.


Aprenda a conviver com a dor da partida de pessoas queridas, de pessoas amadas por você. Aprenda a conviver com aquilo que vai te corroer pelo resto dos seus dias, essa dor vai te consumir e a única coisa que você poderá fazer é esperar passar, se é que algum dia isso tudo irá passar. Aprenda que a vida não é feita de fantasias e sonhos, lá fora existe um mundo grande, um mundo onde você vai apanhar muito, mas que você vai ter que aprender a conviver com isso. Você vai ter que aprender a se virar sozinho, vai ter que lidar com as coisas do mundo, vai ter que aprender a viver de verdade. Aprenda que a dor é uma coisa inevitável, que todos os dias ela pode ir e vir, quando quiser, sem nenhum escrúpulo. Ela vai fazer você ficar em pedaços, pedaços que nunca poderão ser concertados, colados ou reunidos novamente. Você, de qualquer maneira, vai ter que aprender que a dor nunca irá te largar, e por menor que seja o motivo pelo qual você está magoado, ele vai ser o pior dos males na sua vida, ele vai fazer essa dor que existe dentro de você, escapar, e vai te transformar na pessoa que um dia você jamais imaginou que poderia ser.

terça-feira, 30 de junho de 2009

Felicidade?


Talvez eu cruze com ela, em alguma esquina qualquer. Às vezes você pensa que é super fácil, ser feliz, ter amigos, um namorado, uma família perfeita. Mas isso está fora de cogitação em alguns casos, felicidade há sim no mundo, mas você tem que saber como achá-la, como “manuseá-la” e muitas das vezes, tem que saber como prender ela em você. Isso é o principal, porque é o mais difícil de tudo, uma hora você acha que está tudo bem, que sua vida ta perfeita do jeito que está, e que todos os seus amigos gostam de você do jeitinho que você é, sem coisas a mais ou a menos, mas pode ter absoluta certeza, você está errado, sua vida é um engano e essa pessoa feliz não é você. Você não tem amigos, não tem um namorado e nem uma família perfeita, a única coisa que você tem é um vazio, que nunca será preenchido dessa maneira, você só tem você, e mais ninguém. Sua felicidade, só existe em sonhos, ou talvez você possa comprá-la em cápsulas. O que na verdade, é impossível de ser feito. Busque em você mesmo o motivo para sorrir todos os dias, busque nos amigos o motivo para as risadas e busque na vida o caminho da felicidade, ele pode estar mais perto do que você imagina, ou não.

domingo, 28 de junho de 2009

Não faça promessas que não pode cumprir.


Ao fazer promessas que você não pode cumprir, saiba que você pode estar prendendo um coração a você sem ao menos saber disso. Pode levar sofrimento a uma pessoa que talvez, você nem conheça direito. E pode muito bem quebrar uma promessa que não foi verdadeira, e do mesmo jeito, machucar outras pessoas. Quando você ao menos perceber, você cairá no mesmo truque que pregou a vida inteira, vão lhe fazer uma promessa, e inocentemente você vai acreditar, essa promessa pode ser capaz de acabar com a sua vida, com a pessoa que você foi até hoje, e quando isso acontecer, eu vou ver você cair, entretanto, em breve vou vê-lo levantar e reagir, mudar o que você foi até hoje, mudar todas as promessas que fez as pessoas, e principalmente vê-lo sentir-se bem por feito a coisa certa. Aí você se pergunta pra si mesmo “ Por que eu vivi assim até hoje? “ e pode ter certeza que eu vou responder “Porque você nunca aprendeu, até agora, como é ser enganado pela pessoa que você ama! “. Promessas é sempre um caminho para a dor, independente das pessoas a sua volta, você vai sentir falta, saudade, e dor, mas é melhor ter verdades do que simples promessas te rodeando, simples.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Vocês se lembram?


Foi nas férias que tudo começou, e por incrível que pareça, foi nas férias também, que tudo terminou. De certa forma, foram as melhores férias da minha vida, apesar da gente nunca imaginar tudo o que poderia acontecer... Foi nessa época, no ano passado, que eu conheci a Jenni, pra ser mais exata, no dia 08/06. O tempo foi passando e a gente viu o quanto éramos importantes uma para a outra, mas parecia que faltava mais alguma coisa ali com a gente, foi quando a Ray apareceu. A gente se tornou o trio, o trio que sempre esteve unido, o trio que sempre estava disposto a ajudar uma à outra, o trio que seria inseparável. Mas um dia, tudo mudou,dezembro do ano passado todas nós nos separamos, e acabamos seguindo “caminhos” diferentes, por mais que nosso corações estivessem no eterno trio, nós sabíamos que nada seria como antes, pelo fato de tudo ter mudado por causa de algumas palavras. Naquele tempo, elas eram minha vida, minha única saída, pra onde eu sempre iria correr, mas o tempo foi passando e a certa magoa que tinha ficado ali dentro, passou, percebemos que a nossa amizade é mais forte que tudo, desde as brincadeiras super idiotas até as intrigas mais sérias, nunca vamos deixar que esse trio se acabe, é por isso que lutamos, e é por isso que voltamos. Todas nós estamos reunidas novamente, com o mesmo sonho de antes, ficarmos juntas pra todo sempre, e com as mesmas brincadeiras, ideais e um pouquinho de si. As coisas mudam, o tempo passa, o mundo gira e a gente só sabe quem são os verdadeiros amigos, quando os perdemos, mas nunca é tarde demais pra recomeçar, certo meninas? Amo vocês, suas loucas que eu sei que nunca vou vier sem. <3

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Viver.


A vida é tão complexa. Você acha que arrumando novos amigos, entrará num grupo novo, num grupo onde você seja aceito, e você acha que vai encontrar a sua suposta metade. Mas talvez isso seja só um jogo da vida, colocando-o a disposição de sofrimento e de uma vida martirizada por seus próprios medos. Quando você se dá conta, sua vida não passou de uma brincadeira, um jogo que não foi jogado da maneira certa, um jogo no qual você quebrou as regras, e assim permanecemos seguindo, como sempre. Um dia você acorda e se dá conta que aqueles amigos que você sempre considerou os melhores, sempre tiveram uma metade, alguém que os completasse, que os enchesse de alegrias todos os dias, os que fizeram sorrir nos piores momentos. E enquanto esses amigos tiveram uma metade, você só foi mais um “intruso” no meio deles, aproveitando-se do carinho que eles davam à você, que nem sempre era direcionado inteiramente à você, você percebe que você está sozinho, e aquela pessoa que te completava, te deixou para trás. Por quê? Por um mero capricho? Não, porque você se desfez daquele amigo que era o único que se importava verdadeiramente com você, apenas isso. Você tem todo direito de se sentir sozinho, tem todo o direito de jogar o seu jogo do seu jeito, mais vai se dar conta que nenhum outro “brinquedo” substituirá o antigo.

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Um dia você aprende...


Se eu eu dizer à você que estou bem e que tudo isso que sinto agora logo passará estarei mentindo, deveras, dói muito, mais do que imaginei que um dia iria doer. Mas acabou, fazer o que? Derramar mais lágrimas não vai trazê-lo de volta pra mim, e tudo isso que eu sinto só ficará guardado por alguns dias, meses, anos. Eu aprendi que sem você eu não sou nada, apenas uma ferramenta quebrada, sem utilidade, sou apenas um retrato da dor que sinto. No entanto, não posso mudar o que eu mesma fiz, só tenho que conviver com essa culpa que me consome a cada instante, segundo, minuto e assim por diante. Pode ser que vários apareçam, mas acredite, meu coração será eternamente seu. E apesar de todas as diferenças, você sempre será a minha metade, o meu início, meio e fim e a pessoa pra quem eu devo voltar. E se eu tiver que te provar isso, eu o farei, mesmo não sabendo como.

Um dia você aprende que nem tudo é pra sempre!

terça-feira, 9 de junho de 2009

Mentira.


A coisa mais fácil de fazer, e a mais difícil de esquecer. Mentir, significa enganar, esconder, dentre tantos significados me encaixo perfeitamente em um, enganar. Por que? Eu sei enganar todo mundo, mesmo que eles não percebam. O mundo de hoje com pessoas egocêntricas só torna isso mais fácil, e eu me divirto a cada dia mais por causa disso. Posso parecer louca, mas encaro os fatos, a realidade... A realidade de viver num mundo que não tem mais jeito, num mundo cheio de indiferenças independente de qualquer coisa, como estilo musical, estilo de se vestir e os derivados, um mundo cheio de violência. Mas que por sua vez tem sua máscara colocada em comerciais, e na publicidade em geral, desde a simples tv até a internet, onde todas as pessoas do mundo inteiro tem acesso,pelo tempo que seja, mas tem. O mundo, o que ele significa pra você? Pra mim significa apenas uma bola "estacionada" no espaço que não tem utilidade alguma, quem garante que amanhã um meteoro não pode cair aqui e destruir tudo? Quem garante que as geleiras não vão derreter logo e inundar tudo? Quem nos garante que aquilo que a gente respira é ar de verdade? Ninguém, apenas nossa cabeça cheia de fantasias, escondendo tudo que a publicidade diz sobre o mundo do qual vivemos. E por que o título é mentira? Simples, vivemos uma mentira que tentamos esconder todos os dias. (k)

"Você pensa que não, mas a sua boca está acostumada a dizer tudo aquilo que você nunca pensou ouvir!"

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Fim.


O sonho acabou e é hora de continuar vivendo como todos, vivendo sem um motivo, vivendo apenas para ter um futuro onde seus pais se orgulhem, apesar de todas as brigas, problemas e dificuldades, eu vou vencer sozinha, sem mais ninguém. As lágrimas caem como se fosse uma cachoeira, mas as vezes isso deve ser a coisa mais necessária para aprender que eu cresci sozinha e aprendi tudo sozinha, agora é o momento pra mostrar que eu não preciso mais de ninguém pra continuar vivendo e por mais que doa eu vou esquecer aquela pessoa que foi realmente importante pra mim, aquela pessoa que me fez ficar acordada durante horas na frente de um computador, aquela pessoa que foi-se do mesmo jeito que chegou, é o fim.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Cansei.


Sabe quando você acorda daquele jeito? Com vontade de mandar todo mundo ir pro inferno, não querer sair de casa e querendo que todo mundo morra? Pois é, acordei assim hoje, e eu to afim de falar, então eu vou falar muito. Então, eu quero que todas aquelas pessoas que eu odeio fodam-se, não estou nem aí para elas, como elas não estão nem aí para mim. Cansei de me importar com pessoas como todas essas aí, cansei mesmo, de boa. E amigos? Os meus amigos sabem quem são, e de boa, nem preciso ficar citando nomes. O que eu tenho naquela merda de escola? Só colegas, no máximo “abiguinhos”, bando de gente interesseira e que só te procura quando não tem saída, eu posso não ser a melhor aluna, mas eu sei o que todo mundo pensa e acha, eu sei como eles agem quando estão encrencados, fodidos e arrombados. x) De boa, eu quero que essa vida de merda acabe logo, assim não vou ter que ficar escrevendo no meu blog bonitinho o quanto eu me sinto sozinha, triste, e o caralho a quatro. É isso, Oe.


SMACK. ;@

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Eu vou saber, de alguma maneira.


Como me adaptar ao modo dele? Como ele se adaptar ao meu modo de ser, de viver? E se for preciso ser só a melhor amiga de novo? E se eu precisar me desapegar, deixar as lágrimas rolarem e tentar sobreviver? É impossível ter uma resposta assim, como eu posso ser tão idiota ao ponto de o deixar ir? Como um ser humano como eu pode fazer isso? Eu o amo e isso eu sei que é verdade, só tenho a impressão de fazer mal a ele, de ser tudo aquilo que ele odiou nela e estar me transformando em tudo que ele já “odiou”, talvez? Por que as coisas mudaram? Por que tudo tem que ser assim? E o pior de tudo, o que mais dói, é saber que o perco a cada minuto, saber que o perco a cada instante que invento algo, algo que o machuque, algo que me machuque, como ser assim? Uma pessoa tão idiota, inútil, ao ponto de conseguir perder tudo o que demorou tanto a conquistar? É, são muitas perguntas, umas duas ou três respostas e no fim de tudo, eu vou acabar magoando ele do mesmo modo que ela, mas por um motivo diferente, e por minhas atitudes imbecis e infantis. É isso, sumir seria o ideal, mas deixá-lo aqui eu já não sou capaz de fazer, deixar ele a mercê dela, muito menos. Uma questão de escolha, de tempo, de arrumar um modo pra viver, é isso!

sábado, 23 de maio de 2009

Obrigada.


Você sabe o que é se sentir sozinha no meio de tantas pessoas? Sabe o que é se sentir abandonada por não ter ninguém de quem você goste do seu lado sempre? Sabe bem como é sentir que tudo aquilo que você construiu até agora é a coisa mais fácil de desmoronar? Eu cansei dessa vida que só me dá tristezas, eu ainda choro por motivos fúteis, por pessoas que não merecem. E o que eu ganho com isso? Absolutamente nada, aquelas pessoas que te eram importante, deixaram-na para apodrecer sozinha na escuridão de um mundo inexistente, só isso. Bem, eu ainda me sinto sozinha, mas nem tanto, eu encontrei um alguém com quem posso contar, e eu sei que esse alguém vai estar lá pra me ajudar, apoiar, segurar e tudo o que eu precisar. Só esse alguém me completa, e eu nem sei por que, só sei que o amo como nunca amei ninguém antes, isso que é engraçado, eu nunca soube o que é amar, só sei quando estou com ele. Impressionante o que uma pessoa sozinha pode fazer contigo, mesmo longe. Ele me faz bem, e eu sei que não preciso demais ninguém, se tenho ele e a minha melhor amiga, só eles fazem com que a minha vida seja a melhor de todas. É, eu te amo Alex, eu também te amo Caa. Vocês são a minha motivação e maior força! Obrigada por tudo.

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Sozinha.


“Ela queria ser apenas aceita e adentrar num grupo sem que as pessoas te fizessem perguntas demais.”

Eu era assim um tempo atrás. Mas percebi coisas que jamais perceberia se eu sempre me isolasse do mundo. Descobri que amigos verdadeiros não estão perto, nem do seu lado. Estão sempre longe, longe demais, às vezes.

Aprendi que aqueles amores que você teve não passaram de uma paixãozinha por um garoto bonito da tua sala. "Amor não acaba, permanece pela eternidade, até mesmo em outras vidas, talvez."

Eu aprendi a viver de maneira correta, o meu correto seria não precisar de ninguém, e apesar de se sentir sozinha, eu mesma me sentir a pessoa mais importante do mundo.

Eu aprendi a viver de uma maneira difícil, mas foi à melhor maneira, sei que verdades facilmente se transformam em mentiras e que mentiras são guardadas pra sempre, e é simples, apenas esconder de todos e de tudo o que você é, fez, e o que queria ser. Bem, eu acho que aprender a conviver sozinho é a pior maneira de crescer, mas é a principal. Você sabe que se cair, vai ter que ter forças pra levantar sozinho qualquer hora.

Se algum amigo de verdade aparecer em tua vida, não o desperdice, o zele e cuide sempre, pois ele pode ser o único a cuidar de você, mesmo morto (a).

domingo, 10 de maio de 2009

Sonhos.


Se você me perguntar se estou feliz, vou te responder que não. E se você me perguntar por que, eu ficarei sem resposta. Eu to triste, mas nem sei por que, nem sei o que ando fazendo ultimamente. Eu não tenho tempo pra mais nada, será por que eu quero fingir que você não é ninguém? Ou será que é porque eu estou só com medo de assumir um sentimento que deveria ser jamais revelado, novamente? Não sei ao certo, eu só sei que eu queria poder ver teu sorriso todos os dias, mesmo que fosse por um minuto. Eu queria poder estar do teu lado, nem que fosse por um minuto. Eu queria poder sentir os teus lábios tocarem os meus, nem que fosse por um minuto... Mas eu parei e pensei, de minuto em minuto, eu deixo mais uma chance ir embora, eu deixo meus sonhos me consumirem, e esqueço que tenho que viver. E no fim de tudo, o celular desperta, e eu me lembro, é hora de acordar e seguir com mais um dia, vivendo sem ter você aqui do meu lado, pelo menos por enquanto.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Mais que uma história.


Passam pássaros e aviões
E no chão os caminhões
Passam o tempo, as estações
Passam andorinhas e verões

Passa em casa – Tribalistas


Mas só de ouvir a sua voz eu já me sinto bem
Mas se é difícil pra você tudo bem
Muita gente se diverte com o que tem, se diverte com o que tem
Só por uma noite

Só por uma noite – Charlie Brown Jr.


Eu vou equalizar você
Numa frequência que só a gente sabe
Eu te transformei nessa canção
Pra poder te gravar em mim

Equalize – Pitty


Se lembra quando a gente
chegou um dia a acreditar
Que tudo era pra sempre
sem saber
que o pra sempre
sempre acaba

Por enquanto – Cássia Eller


Alguém me faz acreditar no amor
faz eu esquecer de tudo, que um dia machucou pra eu
poder sair do escuro
quero acreditar que há, alguém que eu possa amar
que só de segurar minhas mãos vai me mostrar que amar
não é em vão

Faz acreditar – F292


Penso em você, ao amanhecer
Sonho com você, ao anoitecer
Mesmo que a distância for nos separar
Lembre-se que um dia eu te amei

Lembranças – 35 mls


Em seus pensamentos tenta se econtrar
faz juramentos, promete nunca mais amar
e passa os dias vendo filmes irreais
esperando, que seus dias sejam iguais

Contos de farsas – Fake number


Eu sei, o jogo já terminou
Eu sei que isso tudo já passou
mas é difícil não sentir medo
Só não pretendo te esquecer

Eu sei – Lipstick


Me acorde pra vida
Me ensine a viver
Eu quero ver o sol nascer
Perto de você
Me acorde pra vida
Me ensine a viver
Me dê uma saída pra ir embora com você

Me acorde pra vida – CW7


Não há mais desculpas,
Você vai ter que me entender,
Quando olhar pra trás
Procurando e não me ver,
Chegou a hora de recomeçar!

Não sei viver sem ter você – Cmp 22


As pessoas tem maneiras diferentes de demonstrarem o que sentem, o que vivem, e afins. Eu demonstro em músicas, pois cada uma dessas músicas marcou minha vida de uma maneira inexplicavel. Aí é que está, por que as músicas? Porque foram as músicas que passaram pela minha vida e deixaram uma marca eterna, foi simplesmente as músicas que mudaram a minha vida de uma maneira inexplicavel. Eu gostaria muito de descrever o que cada uma significa pra mim até hoje, mas é uma história muito grande. Se quiserem saber, é só pedir, eu escrevo a história de cada uma delas; *-*

terça-feira, 5 de maio de 2009

Eu não gosto do que me tornei.


Por sua causa deixei a menina sincera, brincalhona, divertida, amorosa e tudo de bom, pra trás. Por tua causa eu perdi amigos que jamais pensei perder. Perdi a confiança daqueles que confiavam em mim. Eu perdi metade da minha vida, pensando em você e como seria te ter aqui do meu lado. Cansei de brincar de amar, cansei de brincar de viver, simplesmente cansei de ser tudo aquilo que eu realmente odiava. Eu olho no espelho e não vejo nada, além de uma menina vazia, fria e sem coração. E o porquê de tudo isso, porque eu acreditei demais em você. Mas tem um lado bom nisso, aprendi como o mundo realmente é de olhos desvendados, aprendi que nem todos aqueles que nos cercam, estão ali pra nos apoiar e nos ajudar, eu aprendi que amores nunca duram pra sempre. Quem sabe um dia você entenda, o que se sentir como eu, quando alguém que você confia te deixar a mercê de todos os seus sonhos e fantasias. Tirar de você o que te era mais precioso, talvez você aprenda a ser como eu, porque esse alguém que você vê hoje é um alguém que você jamais vai querer topar na rua, por mais difícil que seja, por mais doloroso que seja eu deixei o habito de amar, deixei o habito de confiar, apenas me tornei algo que eu não gosto, simples.

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Parabéns, maridona. *-*


Eu nunca fui como você, nem legal como você. Sempre busquei ser o melhor de mim me espelhando simplesmente em você. Mas não quero ser uma cópia sua, quero apenas ser eu. Você foi uma das melhores coisas que aconteceu na minha vida, você apareceu e isso foi mais do que o suficiente, sabia? Acho que não, eu nunca parei pra te contar... Eu sempre reclamei dos meus problemas, dificuldades, te contei segredos, mas nunca parei pra escrever como tu és importante pra mim. Sempre me mostrei fechada e madura o bastante pra não chorar por nenhum problema, mas é só falar com você, em poucos minutos começo a chorar como uma criança.

Lembra da época do Inuyasha e da Kagome, maridona? Na minha opinião, uma das melhores fases da minha vida. Você foi um presente que eu ganhei, um presente inesperado, engraçado, divertido e super baka, mas foi o melhor presente que eu ganhei. A 1 ano a gente se conheceu, e esse ano passou-se como meses, nas expectativas que guardamos juntas, de um dia morarmos juntas, tirarmos várias fotos juntas e acima de tudo, ser tudo aquilo e ter tudo aquilo que a gente sempre sonhou... Isso vai se tornar verdade, todos os segredos trocados nunca serão em vão, todas as noites acordadas falando besteiras jamais serão em vão... E a nossa amizade? Uhm, a nossa amizade permanecerá intacta até a morte. Eu não sei que palavras usar, só sei que eu nunca vou esquecer a pessoa que você foi, além do lugar que você preencheu quando eu estive mais sozinha do que nunca, é... Você foi um dos meus pontos de equilíbrio, onde eu reestruturei a minha base. Jennifer Colombo Leão, desejo-lhe um feliz aniversário, e por mais que a gente esteja longe, nunca duvide, isso é de coração. Eu te amo, minha eterna maridona, minha Hina safada. <3


De: Talita

Para: Jennifer

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Um ato de devoção!


Na primeira, na segunda até na terceira divisão

Eu sempre vou estar contigo, meu eterno timão

Um amor que não tem fim

Por você meu eterno time, que está dentro do meu coração

Desde as alegrias

Até as lágrimas de tristeza

Por um gol comemorado

O time levanta a bandeira

És tu até o fim

Porque meu amor é eterno por ti

Mais que um time, uma nação, seremos eternamente gratos de coração.

sexta-feira, 10 de abril de 2009

Certezas


Eu nunca fui legal ao ponto de você me notar, nunca fui bonita como as outras garotas, pra você olhar pra mim de verdade, eu nunca fui perfeita, porque menina perfeita aos seus olhos tem que ser bonita ao extremo. Eu só era a melhor amiga, e mais nada de importante. E eu sempre tive a certeza de que queria ser bem mais que isso... Só eu que estava lá para te aconselhar, só eu estava lá pra te fazer sorrir. Hoje, com toda certeza do mundo, eu afirmo, eu nunca fui à menina que você escolheria, que deixaria de ser apenas a melhor amiga, pra ser eternamente sua. Apenas uma coisa me conforta, saber que estarei do teu lado quando você sorrir, chorar, cair e se levantar.

sábado, 4 de abril de 2009

Só isso...


Eu não sei porque, mas quando quero, eu sou ignorante ao extremo, e é só com você, por incrivel que pareça. Eu tenho medo que tudo aquilo volte, sabe? Mas e se for pra ser como antes? E se for pra ser só eu e você? Isso que eu me pergunto, não sei se vou em frente, ou se paro e fico esperando você aqui. Eu me pego pensando no que seria da gente juntos, ainda... E ainda caem lágrimas dos meus olhos quando eu penso em você, penso em nós. Eu irei tomar uma decisão em breve, e não sei se vai ser certo ou errado, mais vai ser a última coisa que farei, pelo menos por agora. Não importa o quanto eu tente, é você eu sei, a pessoa certa e não mais ninguém. E eu sempre vou levar essas única certeza comigo, só isso.

sábado, 28 de março de 2009

Não adianta...


Eu sempre me mostrei forte diante dos problemas, até mais forte que os outros, ao ponto de apoiá-los e deixar minhas lágrimas de lado... A pior situação da minha vida está sendo vivida agora, eu deixei minhas lágrimas dominarem tudo, todo meu corpo, toda a minha mente, toda a minha alma.

Eu não sei o que fazer, não sei que palavras usar para confortá-los, a minha dor é a deles, as minhas lágrimas são a deles, e eu já não agüento mais isso...

É isso!